O câncer de próstata tem um papel importante na saúde masculina. Ele é responsável pela segunda causa de câncer nos paises desenvolvidos e a terceira causa de morte entre os homens. A introdução do screening, com o advento do Antígeno Prostático Específico (PSA), aumentou o diagnóstico desta patologia nas últimas duas décadas. A doença também alterou seu padrão devido ao aumento no diagnóstico, sendo que a proporção de homens com menos de 70 anos diagnosticado com o tumor, aumentou e também houve uma redução de aproximadamente 20% da mortalidade devido ao tratamento precoce. O tratamento precoce do Câncer de próstata pode ser realizado por diversos métodos, dentre eles a cirurgia, prostatectomia, que demonstrou ser o método com maior taxa de cura. Dentre os casos de câncer de próstata localizado, chega a atingir 90% de cura.
A cirurgia para retirada da próstata pode ser feita de 3 modos:
    - O primeiro, mais antigo, conhecido como cirurgia a céu aberto demonstrou ser um tratamento importante, com altas taxas de cura, mas através de uma incisão que vai da cicatriz umbilical ao púbis.
    - O segundo método, a prostatectomia Laparoscópica, iniciou-se ao redor dos anos 90. Mas devido as dificuldades de visualização e manipulação dos instrumentos em pequenos espaços, teve sua difusão dificultada. Atualmente o método é realizado em vários continentes, mas com poucos cirurgiões treinados.
    - A terceira técnica a surgir foi a prostatectomia radical robótica, devido ao lançamento do robô Da Vinci®(Intuitive Surgical, Sunnyvale, CA), aprovado em 2000 pelo FDA (Food and Drug Administration) para utilização em pacientes. Primeiramente seria útil para cirurgias a distância e por isso foi desenvolvido com ajuda do exército americano, para aplicação em períodos de guerra. Desde a criação inicial o robô passou por mudanças e hoje já exibe quatro braços cirúrgicos, o que facilitou extremamente a realização de prostatectomias.
A cirurgia robótica é atualmente o tipo mais comum de cirurgia para o tratamento do câncer de próstata e mais de 85% de todas as prostatectomias radicais realizadas nos Estados Unidos utilizam esse método (New York Times, 14 de fevereiro de 2010, página A1). O procedimento vem sendo realizado por mais de uma década com resultados positivos sendo documentados em várias publicações. Os resultados positivos são obtidos devido a melhor visualização e a maior precisão proporcionada pelo robô Da Vinci em comparação à cirurgia aberta tradicional e por laparoscopia. No entanto, ficou claramente estabelecido que a responsável pelos resultados não é apenas da máquina, mas sim que o fator mais importante é a habilidade e a experiência do cirurgião.

Abaixo, o robô desenvolvido com suas 3 partes, o robô, aonde inserimos os instrumentos, o console, aonde controla-se o movimentos e o carro da visão, por onde une-se as imagens dos dois olhos para criação de visão em 3 dimensões. Ao contrario da laparoscopia que foi popularizada primeiramente por cirurgiões, este instrumento foi primeiro utilizado por urologistas.
Este robô uniu grandes habilidades que facilitam a vida do cirurgião, melhorando os resultados cirúrgicos obtidos.
Ele possue 6 graus de liberdade de movimento, imitando, portanto os movimentos da mão do ser humano.
A adaptação da visão em 3 dimensões facilitou a realização de cirurgias complexas que antes não poderiam ser realizadas, a não ser por pessoas muito treinadas em laparoscopia, já que a noção de profundidade é um elemento importante para os cirurgiões.
Além destas importantes vantagens, ainda adiciona-se filtro de tremor, visão com aumento de 10 a 15 vezes, permiti ainda realização de movimentos finos (destreza) e ergonomia, o que possibilita cirurgias complexas até realizar cirurgias cardíacas.
O robô Da Vinci revolucionou a maneira como a cirurgia é e será realizada no mundo inteiro.
Milhares de pacientes já se beneficiaram com o uso dessa tecnologia.

Veja alguns destes benefícios:
    - Oferece melhor visualização com intensificação da imagem em alta definição (1080p) com ampliação de 10x e visualização em 3D.
    - Escalonamento de movimento com filtração de tremor eliminando os mínimos movimentos incontroláveis das mãos do cirurgião.
    - Uma maneira ergonômica de realizar o procedimento, já que o cirurgião se senta em um console cirúrgico e utiliza a visualização melhorada e ferramentas cirúrgicas.
Uso de incisões mínimas e laparoscopia que oferecem a possibilidade de:
    - Retorno mais rápido às atividades normais.
    - Menor tempo de hospitalização.
    - Menor perda de sangue e menos transfusão.
    - Redução da dor (a maioria dos pacientes não necessita de medicamento para controle da dor após a alta).

Embora não seja possível que todos os pacientes passem pela mesma experiência, nos esforçamos diariamente para melhorar continuamente nossos resultados e para ajudar todos os pacientes a obter a cura do câncer com efeitos colaterais mínimos. Também é importante observar que, como ocorre com todos os tratamentos médicos e cirúrgicos, existem efeitos colaterais associados ao tratamento do câncer de próstata.
Recorrência do câncer, incontinência e impotência são efeitos que nos esforçamos para evitar, mas que podem ocorrer em alguns pacientes.
Também podem ocorrer outras complicações: embora ocorra raramente, alguns pacientes podem necessitar de transfusões de sangue ou apresentar problemas com a função intestinal ou lesão.
hair bundles uk O exame para detecção do câncer de próstata levou a um aumento da consciência do público sobre a doença, permitindo a detecção precoce e consequentemente a redução das taxas de mortalidade.
A prostatectomia radical robótica (remoção da glândula prostática por laparoscopia assistida por robô) também é um fator que contribui para essas tendências animadoras.
Além disso, esse avançado procedimento cirúrgico pode oferecer a melhor possibilidade de recuperação total. A instrumentação articulada, a filtração de tremor e a ampliação em 3D ajudam o cirurgião a realizar um dos aspectos mais difícil do procedimento que é poupar os nervos para preservar a função sexual e a continência no pós-operatório.
Juntamente com o controle do câncer, esses são os principais elementos para o acompanhamento dos pacientes submetidos ao tratamento.
You can use heat, but I opted for rollers on my stand for other styles. The only negative is the lace wigs uk is still very large. The included a black, elastic strap band. I sewed the lace front wigs uk on the inside. This gave the a more secure fit. I can slip it on and off for daily wear. It can be washed. Knot bleaching is excellent. All you need is creative touch up to blend the to your scalp and cut to sit naturally on your lace wigs uk. Eayon Hair 6A Virgin Hair Lace Front Wig Brazilian Remy Human Hair. Both our human hair wigs and synthetic hair extensions have baby hairs on the front and at the. Lace Front Human Hair Wigs.